Ver todas

A comunicação em tempos de pandemia e as novas práticas nos trabalhos de auditoria

Por: Protiviti

Publicado em: 18 de setembro de 2020

Por Gustavo Ferreira*

O momento da pandemia do COVID-19 é sem precedentes, porém não altera as necessidades regulatórias, em alguns casos. Nossas obrigações como auditores internos, não mudam. Para empresas que atendem à legislação Sarbanes Oxley (SOX), permanece a necessidade de garantir um efetivo framework de controles internos, promovendo assim razoáveis garantias às suas demonstrações financeiras por meio da auditoria.

Muitas das melhores práticas e lições aprendidas sobre auditoria que vimos no gerenciamento do trabalho remoto parecerão muito familiares para você. E, algumas vezes por serem óbvias, podem ser desprezadas. Portanto, devemos ser mais formais e deliberados em um ambiente remoto.

Veja dicas para auditoria da comunicação remota

Devemos estar atentos e tomar as seguintes ações em nosso novo ambiente:

Dica 1) Dedique tempo adequado ao planejamento

Defina as partes interessadas e considere as áreas em que podemos precisar compensar os problemas de conectividade. Considere os canais de comunicação disponíveis para sua empresa, cliente ou pessoal de auditoria externa; e adapte cada canal ao que melhor se ajusta ao seu público.

Dica 2) Definir protocolo de comunicação

Uma programação de comunicação padrão manterá as equipes remotas juntas, apesar de estarem fisicamente distanciadas. Pense nos métodos ágeis, usando breves reuniões diárias da equipe, oferecendo oportunidade de conexão pessoal enquanto trabalhamos 100% remotamente.

Também é necessária uma conexão frequente com os patrocinadores do projeto para manter continuamente as expectativas alinhadas.

Leia também: O impacto da análise da linguagem não-verbal no ambiente on-line.

Dica 3) Use uma plataforma comum para compartilhar documentos

Se você ainda não utiliza uma plataforma compartilhada para trocar informações entre sua empresa, o cliente e as equipes de auditoria externa, esse é um dos primeiros obstáculos a serem superados.

Uma solução que funcionou bem é aproveitar plataformas como SharePoint. Isso é econômico, seguro e requer menos tempo para começar a funcionar, em comparação com a implementação de uma ferramenta ou com sistemas de transferência de arquivos que podem não ser tão seguros.

Dica 4) Estabelecer linhas de propriedade claras

Quando equipes estão trabalhando juntas em uma sala de conferências, talvez não precisemos ser tão formais com a atribuição de controles ou ações específicas do projeto para cada membro da equipe. Para permitir que os membros da equipe avancem com confiança, devemos permitir que eles se apropriem de áreas explícitas.

Os conceitos ágeis podem ser úteis nessa situação como uma maneira de atribuir trabalho a funcionários e clientes em sprints; e faça com que as pessoas envolvidas nesses sprints se encontrem para uma reunião em vídeo todos os dias até a conclusão. A comunicação frequente é fundamental para ajudar um ao outro a equilibrar as cargas de trabalho para manter o engajamento em movimento.

Dica 5) Considere o meio de comunicação

Foi percebido grande agilidade ao conectar-se rapidamente com empresas que utilizam plataformas de videoconferência, tais como, Microsoft Teams, Zoom ou WebEx. É muito importante que os auditores internos interajam com os process owners e control owners, pois você pode ler expressões faciais e reações para avaliar melhor se eles realmente entendem seus processos e controles.

O compartilhamento de telas durante essas sessões facilita para todos os participantes que visualizam a mesma agenda, narrativa, fluxo de processos etc. Também permite que os control owners compartilhem arquivos.

Dica 6) Feche o ciclo

Acompanhe todas as chamadas com um resumo das informações abordadas, decisões acordadas na chamada e responsabilidade e propriedade pelas próximas etapas. Isso ajudará a confirmar que, mesmo no ambiente disperso em que estamos trabalhando, todos saíram da chamada com o mesmo entendimento.

O esboço de um plano para essas áreas estabelecerá as bases para uma comunicação bem-sucedida da equipe em um ambiente de trabalho remoto e apoiará a execução contínua do engajamento além desses tempos extraordinários.

Como vimos, um bom planejamento e algumas ações não apenas garantem a boa comunicação como melhoram os processos de trabalho e de auditoria. Em tempos de trabalho remoto, manter o time unido e engajado é um dos maiores desafios das empresas. Mas, felizmente, a tecnologia e algumas boas práticas de gestão podem garantir isso.

Gostou do conteúdo? Assine a nossa newsletter e receba mais dicas como essa.

* Gustavo Ferreira é gerente de auditoria interna e assessoria financeira da ICTS Protiviti

Compartilhe esse post

Publicações

Relacionadas

Regulação de criptoativos: caminho para o desenvolvimento desse ambiente de negócios

Os reguladores de diferentes jurisdições têm, cada vez mais, se posicionado com relação aos riscos relacionados aos criptoativos

Leia mais

Auditoria contínua e monitoramento contínuo: o que vem por ai?

Auditoria Contínua - A nova ferramenta de assessoria da alta administração na gestão dos riscos

Leia mais

Avaliação comparativa da SOX custos, horas e controles em 2019

Confira os resultados da avaliação comparativa da SOX custos, horas e controles em 2019.

Leia mais

A evidência nos tempos de auditoria remota

Se um processo ou controle não puder ser evidenciado, é difícil dizer que ele ocorreu na auditoria remota. E é ainda mais difícil indicá-lo como risco.

Leia mais